Aos 36 anos, (Agnaldo Abolis) comecei a sentir dificuldades em andar.

Comecei a sofrer com a doença Hérnia de disco, sentindo incomodo e dores fortes atrapalhando minha vida no dia a dia e principalmente no trabalho, procurei ajuda com vários médicos especialistas no assunto… Cheguei a tomar morfina para dor receitado pelos médicos… Foi quando meu cunhado me convidou para participar de uma corrida de Rua de Curitiba em 2016 me inscreveu para correr 5 km, mas como não consegui encontrá-lo no dia pela multidão de pessoas não sabia como funcionava eu e minha esposa entramos no funil e saímos com a galera dos 10 km, fizemos todo o percurso dos 10 km sem desanimar, claro que com muita dificuldade corríamos, andávamos e não desanimamos concluímos o percurso… Hoje lembramos e damos boas risadas sobre o acontecido… Meu cunhado achou que nunca mais iríamos querer participar de uma etapa de corrida, ou seja, pra quem nunca correu ou até mesmo andou um percurso longo de 10 km… Aí que começa a história gostamos tanto da corrida que hoje não conseguimos mais viver sem esse esporte, continuei com o tratamento com os médicos, porém comecei a correr devagar aos poucos… Os médicos me diziam que eu tinha que parar de correr para fazer o tratamento, mas como o amor pela corrida foi maior que acabei não conseguindo… Acabei desistindo mesmo foi dos médicos acabei abandonando todo o tratamento deixando de lado os remédios, depois disso minha vida começou a mudar… Em fevereiro de 2017 conheci a Assessoria esportiva Assessocor é um prazer e um privilégio fazer parte dessa família,   Em 10 meses perdi 22 kg, estava com 90 kg com 36 anos, Minha esposa foi minha grande motivadora, ela se preocupou comigo, começou a correr me incentivando a fazer uma atividade física. Pra finalizar vou te avisar que foto “antes e depois” vai virar clichê. Mas faça a montagem mesmo assim. Você não precisa ter vergonha de ser o que já foi quando está tentando ser o que já é.